Marketing

De olhos postos no Comércio Social

Saiba quais são as principais tendências de Comércio Social (Social Commerce) para 2022, que fortalecerão as vendas, o marketing e o crescimento da sua marca.

Texto de
Inês Paraíso
Publicado
em 21 de Março de 2022

Saiba quais são as principais tendências de Comércio Social (Social Commerce) para 2022, que fortalecerão as vendas, o marketing e o crescimento da sua marca.

Há uma linha muito ténue que os separa

A linha que separa o comércio online e as redes sociais está a desaparecer dando origem ao comércio social.

A ideia por trás do comércio social é direta e geralmente envolve marcas que usam as redes sociais para vender os seus produtos ou serviços, em vez de confiar num website de comércio online independente.

Contudo a grande maioria das marcas que praticam comércio social, estão vinculadas a uma loja de comércio online independente.

A "localização" é o ingrediente essencial do comércio social, porque tira proveito da prova social. De muitas maneiras, o comércio social tem a maioria dos benefícios do marketing de influenciadores – sem a necessidade de trabalhar com influenciadores.

Desde que o comércio social entrou em vigor que as marcas conquistaram a confiança do consumidor, o engajamento, a interação e as conversões.

Esta tipologia de vendas dá uma nova definição à conduta de negócios de comércio online ao reduzir o tempo e ao descomplicar os processos de compra, mudando drasticamente a forma como o consumidor se comporta.

A ascensão das tendências de comércio social

via GIPHY

Os utilizadores das redes sociais passam muito tempo a percorrer os seus feeds. Isso impulsionou as marcas a ter uma presença onipresente, para aumentar as suas vendas.

As tendências desta tipologia de negócio cresceram como estratégias indiscutíveis para o setor de comércio online e continuarão a crescer nos próximos anos.

O Instagram, por exemplo, lidera as vendas da Geração Z, que gastam 2x mais em compras em canais sociais do que um consumidor médio.

A geração X, por outro lado, está inclinada para o Facebook.

Tendências de Comércio Social a ter em conta em 2022

via GIPHY

  1. A conectividade 5G permitirá experiências XR em dispositivos conectados
  2. Avatares digitais vão arrasar na indústria da moda
  3. O uso convencional de NFTs ainda está em disputa
  4. Micro-influenciadores continuarão a ajudar as marcas a aumentar o alcance
  5. Experiências sem atrito vão conquistar corações e lealdade
  6. Conteúdo gerado pelo utilizador ainda é uma estratégia de marketing essencial
  7. O comércio conversacional agora é um elemento essencial no comércio social
  8. Mais casos de uso de Inteligência Artificial, Realidade Aumentada e Realidade Virtual no Comércio Social
  9. A tecnologia de voz e as compras de conversação continuam a aumentar em popularidade
  10. Transmissão ao vivo pronta para crescer ainda mais
  11. Mercados de redes sociais especializados continuarão a ajudar a expansão do comércio social
  12. Produtos de baixo preço continuarão a vender bem nas plataformas sociais em 2022
  13. Melhor e mais integrações entre Comércio Social e plataformas de comércio online
  14. Perguntas frequentes

A MD3 STUDIO pode ajudá-lo a encontrar a melhor estratégia de marketing para os seus negócios. Saiba como divulgar os seus produtos e serviços online. Fale connosco.

author-image

Este artigo foi escrito pela Inês Paraíso, Marketing & Communication Manager da MD3 STUDIO.

A Inês procura novas oportunidades para mostrar o trabalho do Studio e da MD3, inclusive nas redes sociais internas. Também, é Community Manager de alguns dos nossos clientes! Ela gosta imenso de escrever e tem o dom de passar as ideias a palavras. Aliás, ela diz que as palavras são sempre mágicas e têm o poder de revelar mundos!